Notícias

04/12/2018   04/12/2018 13h45 | A+ A- | 122 visualizações

Qual o futuro da carreira docente?

Sedufsm realiza debate sobre o assunto nesta quinta, 6 de dezembro


A carreira dos professores do ensino federal, seja do magistério superior ou do ensino básico, técnico e tecnológico (EBTT), sofreu inúmeras alterações ao longo dos anos. Boa parte das mudanças causou prejuízos, como é o caso de docentes que se aposentaram antes da criação da faixa de professor Associado, no caso do ensino de terceiro grau. Agora, diante de um governo que mira o serviço público como setor de privilegiados, qual será o futuro da carreira docente? É para tentar vislumbrar as expectativas em relação a esses cenários, que a Sedufsm promove na quinta, 6 de dezembro, às 9h, no Auditório Sérgio Pires (prédio 17, campus de Camobi), o seminário “Carreira docente e as perspectivas futuras”.

Os convidados para abordar as questões referentes ao histórico de construção da carreira, chegando até os dias atuais, bem como as perspectivas futuras, são professores que têm bastante experiência nessa discussão: Paulo Rizzo, docente aposentado da UFSC e presidente do ANDES-SN nas gestões de 2006-2008 e 2014-2016; e o professor Amauri Fragoso, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG/PB), diretor do ANDES-SN nas gestões 2014-2016 e 2016-2018. A coordenação da mesa será do professor Ricardo Rondinel, do departamento de Ciências Econômicas e Relações Internacionais da UFSM, também ex-presidente da Sedufsm.

Texto: Fritz R. Nunes

Imagem: J. Adams Propaganda

Assessoria de imprensa da Sedufsm



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2018 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet