Galeria de Fotos

Cultura na SEDUFSM faz reflexão sobre os 40 anos do maio de

Na manhã do dia 16 de maio de 2008, os professores João Quartim de Moraes e Antonio Carlos Mazzeo expuseram seus pontos de vista sobre o Maio de 68
Estudantes, docentes e público em geral chegam à palestra no Auditório GulerpeAntes do evento, Sérgio Prieb e Antonio Mazzeo trocam idéias.O debate iniciou por volta das 9h da manhã. Na mesa: Antonio Mazzeo (c/ microfone), Diorge Konrad e João QuartimMazzeo explica que o movimento de 68 vem do pós-guerra. Capitalismo estava em ascensão e inicia a “reestruturação produtiva”, que afeta o operariado europeu.O evento contou com mais de 100 pessoas, a maioria estudantes. Com a palavra, Quartim: - Houve uma 'sinergia' entre o maio de 68 e outros movimentos ao redor do mundoPara Quartim, apesar do movimento estudantil sintonizar-se com os trabalhadores, havia muito 'arroubo juveni'.  O público participou com questões e comentários sobre as realidades da época e as de hoje.Após o evento, os palestrantes a visitaram a exposição 'Direito à Memória e à Verdade – A Ditadura no Brasil: 1964 a 1985'

Lista de Galerias

© 2019 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet