Notícias

28/03/2017   28/03/2017 17h21 | A+ A- | 1123 visualizações

Santa Maria tem novo ato contra reformas do governo nesta sexta, 31

Protesto inicia às 17h, na praça Saldanha Marinho


Frente Combativa em Defesa do Serviço Público esteve reunida na última segunda, 27, na Sedufsm

Esta semana será encerrada com protesto em Santa Maria. Na sexta-feira, 31 de março, trabalhadores e movimentos sociais reúnem-se, a partir das 17h, na praça Saldanha Marinho. O objetivo da atividade é denunciar, mais uma vez, as contrarreformas propostas pelo governo federal, principalmente as que ferem o acesso à Previdência Social e aos direitos trabalhistas.

Outro motivo central de mobilização nesta sexta é o repúdio à aprovação, na Câmara dos Deputados, do Projeto de Lei (PL) 4302/98, que libera a terceirização para todas as áreas das empresas (atividades-fim e atividades-meio), nas esferas pública ou privada. Tal aprofundamento da terceirização tenderá a precarizar as condições de trabalho, conforme apontam estudos como o do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (IPEA), segundo o qual os salários de empregados terceirizados são, em média, 17% menores do que aqueles pagos sob as garantias da Consolidação das Leis Trabalhistas, a CLT.

Já o Departamento Intersindical de Estudos Socioeconômicos (DIEESE) revelou que em 80% dos casos de acidentes de trabalho as vítimas prestavam serviços a empresas terceirizadas, pois elas têm menor apego à observância das normas de segurança.

O protesto desta sexta faz parte de um calendário nacional de mobilização, que prevê, para o dia, atos em diversas cidades e estados, na perspectiva, também, de preparação para a greve geral brasileira, cuja deflagração está marcada para o dia 28 de abril.

Unidade

Quem convoca o ato de sexta, 31, é a Frente Combativa em Defesa do Serviço Público. E, para que a atividade de mobilização seja o mais ampla e unitária possível, os integrantes da Frente convidam a todos os sindicatos, movimentos sociais e pessoas interessadas a participarem de uma reunião nesta quarta-feira, 29, às 18h, na Sedufsm. A pauta do encontro será a organização do ato de sexta.

Materiais de divulgação online e panfletagens pela cidade e no campus da UFSM também serão realizadas ao longo da semana, com objetivo de mobilizar e dialogar com a população santa-mariense.

AGENDA:

29/03: Reunião ampliada com sindicatos e movimentos sociais para organização do ato de sexta, 31. Às 18h, na SEDUFSM.

31/03: Ato na Praça Saldanha Marinho, a partir das 17h, contra as reformas Previdenciária, Trabalhista e o projeto da Terceirização.

28/04: Deflagração da Greve Geral no Brasil.

 

Texto e foto: Bruna Homrich

Assessoria de Imprensa da Sedufsm



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2017 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet