Notícias

16/10/2017   16/10/2017 18h33 | A+ A- | 195 visualizações

Eleição para conselhos superiores da UFSM tem data definida

Escolha de conselheiros se dará quase um ano após término de mandatos


Conselheiros do Consun, do Cepe e do CPPD tiveram mandatos prorrogados ainda no final de 2016

Quase um ano depois de vencidos (e prorrogados por autorização do Conselho Universitário) os mandatos dos conselheiros que integram o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe), Conselho Universitário (Consun) e Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD), a comissão de consulta, nomeada pelo Consun, publicou edital convocando eleições para novos conselheiros desses órgãos decisórios da UFSM.

Conforme material enviado por correio eletrônico à Sedufsm, assinado pelo presidente da Comissão, Breno Pereira, o prazo para inscrição de chapas (titular e suplente) iniciou na segunda, 9 de outubro, e se estende até quinta, dia 19 de outubro. As inscrições devem ser feitas no protocolo do Departamento de Arquivo Geral.

A eleição propriamente dita ocorrerá no dia 14 de novembro, no horário das 9h às 16h, com exceção do Hospital Universitário, em que o pleito transcorre no período das 7h às 20h. Formadas por um titular e seu respectivo suplente, as chapas para o CPPD podem ser constituídas por professores vinculados dentro da sua respectiva categoria e classe, conforme especifica o edital, que você pode conferir abaixo, em anexo, onde consta também o regimento interno. Já para o Cepe e o Consun, as chapas, com titular e suplente, não são apenas de professores, há também chapas de técnico-administrativos.

Críticas ao atraso

O atraso na eleição aos conselhos superiores se deveu, conforme justificativa do reitor Paulo Burmann, ainda em dezembro do ano passado, a dois motivos. O primeiro é que, na data que deveria ter ocorrido, em meados de novembro passado, havia um processo de greve dos segmentos na UFSM. O segundo motivo foi o processo de consulta para escolha do novo reitor, no primeiro semestre deste ano, mais especificamente entre o mês de maio e o final de junho.

A Sedufsm, já no dia 3 de maio, portanto, cinco meses atrás, através da assessoria jurídica, alertava sobre essa irregularidade, questionando inclusive a legitimidade do quórum nos conselhos superiores e, consequentemente, da própria validade das deliberações lá tomadas. Pressionado pelo sindicato, e até mesmo por críticas da imprensa local, o reitor anunciou na sessão conjunta dos conselhos de 6 e 7 de julho, de que o edital de convocação das eleições seria publicado nas próximas semanas. Contudo, o edital só foi publicado agora, dia 9, três meses após a fala de Burmann e quase um ano após vencidos os mandatos dos conselheiros. Leia mais sobre a polêmica.

Texto: Fritz R. Nunes com informações da comissão de consulta

Foto: Arquivo

Assessoria de imprensa da Sedufsm



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!

Documentos




Compartilhe com sua rede social!














© 2017 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet