Notícias

03/05/2019   03/05/2019 17h37 | A+ A- | 282 visualizações

Sedufsm entrega assinaturas contra Reforma da Previdência

Recolhidas em Santa Maria, assinaturas serão entregues no Congresso Nacional


(da esq.): Coordenador nacional da CSP-Conlutas, Paulo Barella, e presidente da Sedufsm, Júlio Quevedo

Foram cerca de 10 dias indo para a UFSM e a Praça Saldanha Marinho , em Santa Maria, com uma banquinha improvisada e muita disposição para dialogar com a população sobre os malefícios da Reforma da Previdência. Com esse movimento, os/as integrantes da Frente Única de Trabalhadoras e Trabalhadores (FUTT) recolheram cerca de 1.600 assinaturas para um abaixo-assinado contra o projeto que, na avaliação dos sindicatos e coletivos, penaliza duramente os trabalhadores, inviabilizando o direito constitucional a uma aposentadoria digna.

Pois nesta sexta-feira, 3, o presidente da Sedufsm, Júlio Quevedo, entregou o envelope com as assinaturas recolhidas em Santa Maria para o coordenador nacional da CSP-Conlutas, Paulo Barella, que as juntará com as assinaturas recolhidas Brasil afora por todas as centrais sindicais mobilizadas contra a Reforma. Quevedo participa, até o domingo, 5, em São Paulo, da reunião da Coordenação Nacional da CSP-Conlutas, que tem como pauta central a organização da Greve Geral contra a Reforma da Previdência no dia 14 de junho.

Após reunirem todas as assinaturas colhidas nacionalmente, representantes das centrais sindicais irão entregá-las na Câmara dos Deputados como forma de pressionar os parlamentares pelo arquivamento da Reforma. A campanha de abaixo-assinado foi lançada no dia 4 de abril, durante ato na Praça Ramos, em São Paulo.

 

Texto: Bruna Homrich

Foto: Arquivo Pessoal

Assessoria de Imprensa da Sedufsm

 



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2019 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet