ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que a partir de segunda, 23 de março, a sede do sindicato estará fechada e todos os atendimentos serão realizados de forma remota (online), por tempo indeterminado. Os (as) sindicalizados (as) poderão entrar em contato com a entidade das 8h às 12h e das 14h às 18h através do e-mail sedufsm@terra.com.br ou dos telefones (55) 99614-2696 e (55) 99935-8017.

Sindicato


Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

23/03/2020   23/03/2020 16h46 | A+ A- | 192 visualizações

Prograd: calendário acadêmico não será suspenso “por enquanto”

Pró-Reitoria destaca que aulas virtuais são para quem tem acesso e possibilidade


Professor Jerônimo Tybusch, pró-reitor adjunto de Graduação da UFSM

O calendário acadêmico da UFSM não será suspenso “por enquanto”, ressalta o pró-reitor adjunto de Graduação, professor Jerônimo Tybusch. Conforme o docente, “provavelmente” o calendário será suspenso após o fim do atual período de suspensão das aulas presenciais devido à pandemia do coronavírus, havendo um replanejamento após o retorno desse recesso. A explicação do pró-reitor foi dada à assessoria de imprensa da Sedufsm nesta segunda (23). O objetivo da matéria foi esclarecer alguns aspectos que têm sido levantados por filiados da entidade.

Na última sexta, 20 de março, a reitoria da UFSM divulgou na página da instituição, esclarecimentos sobre a questão das aulas não presenciais durante o período em que as aulas foram suspensas para que as pessoas fiquem em casa, evitando o alastramento do coronavírus. A publicação inicia dizendo que “considerando a controvérsia entre os termos ‘poderão’ e ‘deverão’ das portarias n. 343 do Ministério da Educação e n. 97.935 da UFSM no que se refere às atividades acadêmicas não presenciais, nos termos da autonomia conferidos à UFSM, informamos que tais atividades seguirão seu ritmo estabelecido, conforme as possibilidades dos cursos, docentes e discentes”. Confira a íntegra da nota aqui.

Para a assessoria da Sedufsm, Tybusch garantiu que muitos docentes estão realizando aulas a distância, mas que o uso do verbo “poderão” esclarece que não há obrigatoriedade. Segundo ele, os estudantes que alegarem impossibilidade, problema de conectividade, não serão prejudicados. No momento de retificação do calendário, ressalta o pró-reitor, será previsto pelo docente um período para a recuperação do conteúdo ao discente.

O professor também argumentou que esse tipo aula é para disciplinas teóricas e está sendo oferecido através do conceito de “exercícios domiciliares”, o que não deve ser confundido com modalidade EaD. Essa possibilidade, reitera ele, acaba por representar a viabilidade da manutenção do contato entre professor e aluno, mesmo a distância, o que pode ter reflexos positivos num período de “isolamento social”. Tybusch destaca que tanto o conteúdo oferecido pelo docente será registrado no sistema quanto da mesma forma está garantida a recuperação do conteúdo não ofertado nesse período de suspensão de aulas presenciais.

Na última quinta, 19, a Sedufsm publicou uma manifestação repudiando a portaria do MEC sobre aulas a distância.

No mesmo dia, o Sindicato Nacional dos Docentes (ANDES-SN) também se posicionou, com uma de suas diretoras manifestando "apreensão" a partir dos efeitos da portaria do governo. Confira a matéria.

 

Texto: Fritz R. Nunes
Foto: Arquivo/SEDUFSM

Assessoria de imprensa da Sedufsm

 

 



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2020 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet