MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Sindicato

ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que, desde o dia 23 de março de 2020, em função da pandemia, a sede do sindicato está fechada e os atendimentos sendo realizados de forma remota. Os (as) sindicalizados (as) podem entrar em contato com a entidade das 8h às 12h e das 14h às 18h através do e-mail sedufsm@terra.com.br ou pelos telefones (55) 99962-2248 e (55) 99935-8017.


Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

03/05/2021   03/05/21 15h20 | A+ A- | 55 visualizações

Ato unitário em defesa da vida marca o 1º de Maio em Santa Maria

Unidade é fundamental para resistir à necropolítica de Bolsonaro, diz dirigente


Leonardo Botega, diretor da Sedufsm: é preciso construir pontes de resistência

Respeitando todas as recomendações sanitárias – a exemplo do uso de máscaras e da manutenção do distanciamento social -, entidades sindicais e movimentos sociais de Santa Maria realizaram um ato no último sábado, 1º de Maio, Dia do(a) Trabalhador(a).

A Sedufsm esteve presente à atividade, que, além de rechaçar de forma intransigente a postura do governo Bolsonaro frente à pandemia, cobrou um plano nacional de imunização muito mais célere que o atual – insuficiente em vacinar as pessoas com a urgência que a pandemia exige; o investimento maciço no Sistema Único de Saúde (SUS), nas universidades e na ciência pública; um auxílio emergencial que garanta dignidade aos(às) autônomos(as) e desempregados(as) e liberdades sindicais e democráticas.

Para Leonardo Botega, diretor da Sedufsm, a atividade sinalizou que a unidade não só é necessária, como possível.

"O Ato de 1º de maio foi muito mais do que um ato numa data simbólica, foi um momento de grande unidade dos movimentos sociais e sindicais de Santa Maria e região. Uma demonstração de que para avançarmos na luta pela vida, unificadas em torno do Comitê em Defesa da Vida e do Movimento Vacina Já, movimentos do qual a SEDUFSM faz parte, devemos deixar de lado diferenças e construir pontes de resistência contra a Necropolitica que tem sido implementada no Brasil".

O ato do 1º de Maio em Santa Maria foi organizado pelo Comitê Popular em Defesa da Vida; Comitê Vacina Já; CUT; CSP-Conlutas; CTB; Nova Central; Intersindical; PT; PSOL; PCdoB; PSTU; PCB e PRC.

 

Texto: Bruna Homrich

Fotos: Sedufsm e Cristina Haas

Assessoria de Imprensa da Sedufsm



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2021 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041