MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Sindicato

ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que, desde o dia 23 de março de 2020, em função da pandemia, a sede do sindicato está fechada e os atendimentos sendo realizados de forma remota. Os (as) sindicalizados (as) podem entrar em contato com a entidade das 8h às 12h e das 14h às 18h através do e-mail sedufsm@terra.com.br ou pelos telefones (55) 99962-2248 e (55) 99935-8017.


Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

19/03/2021   19/03/21 10h52 | A+ A- | 146 visualizações

Museu Treze de Maio promove exposição virtual de artes

Evento abre às 10h30 de domingo, 21 de março, Dia Internacional de Combate à Discriminação Racial


Cartaz de divulgação do evento

O Museu Treze de Maio, protagonista de ações em favor do Movimento Negro de Santa Maria, inicia neste domingo, 21 de março, Dia Internacional contra a Discriminação Racial, uma exposição virtual de obras de artes. A abertura da exposição, que tem como título “Memória e identidade: uma visão africanista”, ocorrerá às 10h30 e contará com o acervo do artista plástico, Zé Darci. Natural de Arroio Grande, Darci tem longa trajetória cultural. Já participou de diversas exposições no Brasil e no exterior (Alemanha, República Tcheca, Chile e outros), tendo conquistado diversas premiações.

O artista plástico também é conhecido pela sua forte relação com segmentos de Pelotas, especialmente junto à Universidade Federal (UFPel), onde fundou um movimento artístico intitulado ‘Quilombos Urbanos’, constituído por artistas plásticos negros. O trabalho de Darci tem reconhecimento acadêmico e já começa ser objeto de pesquisa na Universidade Federal do Pampa (Unipampa).

Zé Darci utiliza suas obras como ferramenta para interpretar a memória coletiva a partir de vivências da história de vida familiar, e também tendo como base sua própria militância junto aos movimentos antirracistas. Dentre os objetivos de suas telas está o resgate de identidades que poderiam cair no esquecimento.

As obras que o artista selecionou para a exposição de Santa Maria mostram personagens e fatos que marcam a temática que dá título à exposição. São obras com toques expressionistas, apresentando fatos históricos e resgatando contos herdados do meio quilombola.

Devido às condições impostas pela pandemia, a exposição será lançada virtualmente datravés das redes sociais do Museu. A atividade do Museu Treze de Maio ocorre junto à Rede Estadual de Pontos de Cultura, com apoio dos Jornais Balaiada e Diário de Santa Maria. Para acompanhar a abertura da exposição, só acessar as redes do Museu: Facebook e Instagram.

 

Texto: Fritz R. Nunes com informações do Museu 13 de Maio e PMSM
Imagens: Museu 13 de Maio e PMSM
Assessoria de imprensa da Sedufsm

 



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2021 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041