MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Cartilha sobre a PEC 32


ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que desde o dia 20 de outubro de 2021 recomeçou o atendimento presencial na sede. Os (as) sindicalizados (as) devem entrar em contato pelo e-mail [email protected] ou pelo fone (55) 3222.5765 para fazer o agendamento da ida à sede.


Últimas Notícias

Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
[email protected]

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

30/09/2021   30/09/2021 15h46m   | A+ A- |   134 visualizações

A inspiração freiriana em terras portuguesas

Pesquisadora comenta influência do educador brasileiro na alfabetização e conscientização das comunidades rurais em Portugual


Não seria exagerado dizermos que Paulo Freire possivelmente seja mais lido e referenciado internacionalmente do que em seu próprio país. Exemplo disso é a entrevista realizada com a pesquisadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (Portugal), Teresa Cunha, na 44ª edição do programa ‘Ponto de Pauta’.

Ela conta que começou a se aproximar da obra e da práxis freiriana após a Revolução dos Cravos, ocorrida em 1974 e responsável por derrubar o regime ditatorial salazarista. Na época, Portugal tinha mais de 40% de sua população em situação de analfabetismo e Teresa era uma jovem professora que começava a desenvolver seu trabalho junto, principalmente, à educação de adultos em comunidades rurais.

“Não tínhamos só o objetivo de escolarizar a população adulta, mas de lhes dar instrumentos de conscientização e compreensão do seu mundo para poderem o transformar a partir dos ensinamentos de Freire. Esse foi um aprendizado não só para os alunos, mas para nós [professores] também. Freire sempre foi uma grande inspiração, não só pela forma de entender a educação mas pela visão política de que a educação é um instrumento de transformação [que pode estar] a serviço da justiça, da igualdade e de um mundo onde todos e todas tenhamos lugar”, defende a pesquisadora portuguesa.

Ao observar a situação atual brasileira e a perseguição que o fundamentalismo e os setores à direita têm motivado contra Freire, Teresa diz que quem maldiz o educador na verdade guarda o interesse em “manter o povo amordaçado e inconsciente de seus problemas, para que não se conheça suas forças ou se levante para lutar”.

O ‘Ponto de Pauta’ pode ser assistido na íntegra em nosso canal do Youtube ou aqui mesmo, abaixo:

 

Texto: Bruna Homrich

Arte: Rafael Balbueno

Assessoria de Imprensa da Sedufsm

 

Fotos da Notícia

Compartilhe com sua rede social


© 2021 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041