MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Cartilha sobre a PEC 32

Últimas Notícias

Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Notícias

29/07/2022 10h35m   29/07/2022 10h38m   | A+ A- |   615 visualizações

Dica: assistir ao Festival de Concertos no Theatro 13 de Maio

Evento acontece neste sábado, 30 de julho, às 20h30, e tem entrada gratuita


Nesta sexta, 29 de julho, a dica cultural é assistir ao Festival de Concertos, que ocorrerá neste sábado, 30 de julho, às 20h30, no Theatro 13 de Maio. Mas, para isso, é preciso se apressar, pois os ingressos, que podem ser obtidos na bilheteria do teatro, estão na finaleira. O evento é uma parceria entre o 37º Festival de Inverno da UFSM, a 37ª Semana Cultural Italiana de Vale Vêneto, o 24º Encontro de Violoncelos do RS e a Orquestra Sinfônica de Santa Maria.

Conforme o diretor artístico e regente da  Orquestra, professor João Batista (Tita) Sartor, serão cinco solistas convidados, entre eles, os professores do Festival de Inverno, Alan Woo (University of Georgia, EUA), ao piano; Heinz Karl Schwebel (UFBA, Brasil), ao trompete; o professor Alexandre Eisenberg (UFSM), à flauta, e os(as) vencedores(as) do Concurso de Jovens Solistas do Encontro de Violoncelos. No repertório, concertos de Beethoven, Fauré e Mahle, e a 5ª Sinfonia de Beethoven, na sua íntegra, pela Orquestra Sinfônica de Santa Maria e a regência do Maestro Tita Sartor.

As apresentações artísticas deste sábado (30) praticamente encerram o Festival de Inverno e a Semana Cultural Italiana de Vale Vêneto (São João do Polêseine-RS), iniciada no último domingo, 24 de julho, e que se encerra no próximo, dia 31 de julho.

Em 2022, o Festival de Inverno foi dividido em quatro tipos de ações: oficinas de música, com aulas de violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta transversal, clarinete, trompete, trombone, percussão, piano e educação musical; concertos abertos ao públicooficinas gratuitas de musicalização para crianças, orientadas por acadêmicos de Música da UFSM; e curso de formação continuada em música para professores de educação infantil, ministrado por professores, mestrandos e doutorandos do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFSM, para docentes que trabalham com crianças de zero a cinco anos.

O Coordenador Geral do Festival, Guilherme Garbosa, explicou que, neste ano, o limite de inscritos para as atividades foi reduzido devido às restrições sanitárias da Covid-19. Em outras edições, o número de participantes chegava a 200 pessoas e nesta, o máximo permitido foi 80. Bortoluzzi destacou ainda que a 37º edição é a primeira a ter ações presenciais, após dois anos em que o evento aconteceu de forma remota.

Democratização do acesso à música

Durante a abertura do evento, no domingo, 24 de julho, a Vice-reitora da UFSM, professora Martha Adaime, ressaltou o papel social do Festival de Inverno, de inserir a música à população local: ‘’ele [Festival] democratiza o acesso à música nas comunidades. […] A troca que existe, de conhecimento, acontece com todos alunos que vêm de fora e os nossos alunos, o que é importante para formação profissional e pessoal deles.’’

Texto: Fritz R. Nunes com informações do Portal da UFSM.
Imagens: Orquestra Sinfônica e UFSM
Assessoria de imprensa da Sedufsm

Fotos da Notícia

Dia 24 de julho, em Vale Vêneto: performance estúdio de trompetes

Compartilhe com sua rede social


© 2023 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041