MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Cartilha sobre a PEC 32

Últimas Notícias

Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
[email protected]

Notícias

25/05/2022   25/05/2022 10h17m   | A+ A- |   138 visualizações

Mobilização por reajuste salarial segue unindo entidades da educação federal

ANDES-SN, Sinasefe e Fasubra tiveram encontro no dia 21 de maio e discutiram greve

Entidades discutem uma agenda em comum para ser levada as suas bases
Entidades discutem uma agenda em comum para ser levada as suas bases

No último sábado, dia 21 de maio, integrantes das entidades que representam o ensino federal- ANDES-SN, Fasubra e Sinasefe- participaram da Reunião Ampliada Unificada da Educação. A atividade aconteceu no hotel San Marco, em Brasília (DF), em formato híbrido – presencial e remota -, e avaliou as condições de uma greve unificada na Educação, construindo uma pauta em comum. Além disso, o encontro reforçou a necessidade de continuar a mobilização das servidoras e dos servidores públicos federais (SPF) pelo reajuste salarial emergencial de 19,99%. O ANDES-SN transmitiu a reunião pelas suas redes sociais. Você confere o encontro na íntegra aqui.

Com saudações das entidades classistas e estudantis da Educação Pública, representantes da diretoria nacional e das seções sindicais do ANDES-SN contaram um pouco sobre o posicionamento do Sindicato Nacional e a realidade em cada região do país. Foi informado aos presentes a decisão da entidade, após consultar as assembleias de base, pela manutenção da mobilização para a greve, mas ainda sem data definida para a deflagração. Na ocasião, as e os docentes apresentaram propostas de criação de comissões locais e de agenda conjunta de luta com as entidades da Educação.

Representantes da Direção Nacional e das seções sindicais do Sinasefe relataram as atividades e as ações que estão sendo desenvolvidas na greve da categoria, iniciada no dia 16 de maio. Em algumas manifestações foi reforçada a necessidade de uma greve imediata da Educação Federal e de articular essa luta com outras categorias evidenciando novas pautas, além da recomposição salarial. A Fasubra, por sua vez, comunicou aos presentes que a greve já foi aprovada, mas que depende de uma data unificada para iniciar o movimento paredista.

UNE

Já a União Nacional dos Estudantes afirmou que ainda irá pautar esse debate na entidade. No encontro, estudantes representados pela UNE, Fenet e Ubes pontuaram as dificuldades enfrentadas diariamente nas instituições de ensino que perpassam desde os cortes de verbas nos restaurantes universitários, causando o fechamento de muitos, até nas bolsas estudantis, enquanto o governo federal direciona verbas públicas para outras áreas.

PAUTA

Segundo Regina Ávila, secretária-geral do ANDES-SN, a reunião ampliada foi resultado da unidade do setor da Educação para fortalecer a mobilização das e dos SPF, via Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe), e assim construir ações em defesa da Educação. As servidoras e os servidores lutam por um reajuste salarial emergencial de 19,99%, pela revogação da Emenda Constitucional (EC) 95/16 – do Teto dos Gastos-, e contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32/20, da contrarreforma Administrativa. “Foi um momento bastante importante de retomada das lutas em defesa da Educação, especialmente em função do corte de verbas e das condições de assistência estudantil, condições sanitárias entre outros”, disse a docente.

As entidades seguirão debatendo a unificação de uma pauta a ser levada para a base e assim fechar uma agenda de ações em comum, com indicação de paralisação e da realização de um ato em Brasília (DF).


Fonte e imagem; ANDES-SN
Edição: Fritz R. Nunes (Sedufsm)

Fotos da Notícia

Entidades discutem uma agenda em comum para ser levada as suas bases

Compartilhe com sua rede social


© 2022 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041