MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Cartilha sobre a PEC 32

Últimas Notícias

Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Notícias

12/11/2022 19h34m   12/11/2022 19h51m   | A+ A- |   174 visualizações

Integrantes do 14º Conad extraordinário participam de ato antirracista

Manifestação ocorreu na praça Chico Mendes, no campus da Universidade de Brasília (UnB)

Manifestantes se deslocaram em caminhada até a praça Chico Mendes
Manifestantes se deslocaram em caminhada até a praça Chico Mendes

Racistas, não passarão! Com essa palavra de ordem iniciou o “Ato em defesa da democracia e pela luta antirracista no Brasil: Com Racismo, não há democracia”, no final da tarde deste sábado, 12, saindo da sede da Adunb até a praça Chico Mendes, na Universidade de Brasília (UnB). A manifestação teve a presença das e dos mais de 200 integrantes do 14º Conad extraordinário do ANDES-SN, que ocorre junto à sede da Adunb, mas contou com outras entidades, como a UNE e a CSP-Conlutas.

A presidenta do ANDES-SN, Rivânia Moura, foi uma das que puxou as falas na caminhada, ressaltando o papel do Estado brasileiro na violência contra a população negra, especialmente a partir da ação das polícias.

A diretora da Regional Rio de Janeiro do ANDES-SN, Rosineide Freitas (foto abaixo), da UERJ, declamou uma poesia e chamou a atenção para os estereótipos preconceituosos em relação a negras e negros, em um país em que essa população é majoritária, mas, ao mesmo tempo, é a mais atingida pelo desemprego, pelo machismo e misoginia, e pelas “balas perdidas”.

CONJUNTURA E GRUPOS MISTOS

Ao longo da tarde, na programação do 14º Conad extraordinário a abordagem foi relacionada ao tema I, que tratou de ‘Conjuntura e Movimento Docente’. Além da temática das eleições, com a vitória de Lula e o enfrentamento ao bolsonarismo, o debate foi intenso em relação ao papel da central sindical CSP-Conlutas. A manutenção do vínculo do ANDES-SN com a CSP, ou a ruptura com a central, será o eixo principal do debate dos grupos mistos do encontro, na noite deste sábado, no prédio da Faculdade de Educação da UnB.

Já o debate sobre manter filiação ou desfiliar-se irá acontecer neste domingo, 13, em plenária específica. O Conad extraordinário encerra no final da tarde de domingo com a plenária final.

 

Texto e foto: Fritz R. Nunes
Assessoria de imprensa da Sedufsm

 

 

 

Fotos da Notícia

Manifestantes se deslocaram em caminhada até a praça Chico Mendes Rosineide Freitas, da Regional RJ do ANDES-SN Presidenta do ANDES-SN, Rivânia Moura

Compartilhe com sua rede social


© 2023 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041