Lula afirma que o governo está preparando nova proposta de reajuste aos servidores e servidoras federais SVG: calendario Publicada em
SVG: atualizacao Atualizada em 10/05/24 11h48m
SVG: views 510 Visualizações

Na próxima semana estão marcadas duas mesas de negociação

Alt da imagem

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) demonstrou preocupação com a greve nacional da educação, durante sua entrevista para o programa “Bom dia, presidente” da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), na última terça-feira. Na ocasião, Lula afirmou que o governo está preparando nova proposta de reajuste para apresentar aos(as) docentes e os(as) técnicos(as)-administrativos(as) (TAE’s) das universidades e institutos federais e defendeu o direito da categoria à greve. Estão marcadas duas reuniões de negociação na próxima semana. Atualmente, 51 instituições de ensino superior estão em greve. Outras três começam na segunda-feira, 13 de maio, e uma dia 20. 

“Nós vamos fazer um acordo. A mim, não encanta ver parte da educação de greve. Eu tenho que inaugurar muitas escolas técnicas, visitar universidades, e eu quero que os professores e os funcionários estejam tranquilos”, destacou Lula durante o programa "Bom dia, Presidente", da EBC.

Para a próxima segunda-feira, 13 de maio, está marcada uma nova reunião da Mesa Setorial Permanente de Negociação do MEC, que tem como objetivo debater questões específicas dos(as) servidores(as) da Educação das universidades e institutos federais, que não envolvam questões orçamentárias. 

Já na quarta-feira, 15 de maio, acontece a 5ª Reunião da Mesa Específica e Temporária, que vai discutir reajustes salariais para 2024, além da reestruturação das carreiras do Magistério Superior e do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT).

Greve docente 

Servidores e servidoras públicas estão em greve desde o dia 15 de abril, quando o governo negou reajuste salarial para este ano. A Sedufsm aderiu à greve da categoria no dia 25 de abril e desde então o Comando Local de Greve (CLG) vem realizando atividades semanais para debater e discutir as reivindicações da categoria docente da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). As reivindicações são: 

  1. Recomposição das perdas do governo Temer: 7,6% em 2024; 7,06% em 2025; 7,06% em 2026 (proposta da bancada sindical);
  2. Reestruturação das carreiras das e dos docentes;
  3.  Restauração do orçamento das Instituições Federais de Ensino;
  4. Ampliação dos programas de assistência estudantil;
  5. Revogação do Novo Ensino Médio e a Portaria MEC 983/20;
  6. Melhoria das condições de trabalho, recomposição da força de trabalho mediante concurso público;
  7. Revogação da contribuição previdenciária para aposentados/as e pensionistas.

Greve solidária 

Nesta terça-feira, 7 de maio, pensando no momento de crise atual em que vive o estado do Rio Grande do Sul, o CLG decidiu reverter suas ações em Greve Solidária. Com uma agenda semanal composta por reuniões diárias e abertas a todos e todas que desejarem participar. Além disso, o comando definiu atividades e ações solidárias no campus da UFSM, como as que ocorreram na manhã e tarde desta quinta-feira, 9 de maio, Dia Nacional de Luta em Defesa das Universidades, Institutos e Cefets.

Lembramos que a Seção Sindical se transformou em local de arrecadação de donativos, das 8h às 12h e das 14h às 17h. O carro do sindicato também está disponível para a retirada de donativos. Para doações em dinheiro, por PIX, utilize a seguinte chave: solidariedaders@sedufsm.org.br 
 

 

Texto: Karoline Rosa (jornalista)
Imagem: Arquivo pessoal
Assessoria de Imprensa da Sedufsm 

 

SVG: camera Galeria de fotos na notícia

Carregando...

SVG: arquivo-download Documentos

- Quadro atualizado da greve.

SVG: jornal Notícias Relacionadas

Docentes em greve realizam vigília no campus sede, na segunda, 3 de junho

SVG: calendario 29/05/2024
SVG: tag Greve 2024
Comando Local de Greve entregou brinquedos no CEFD e material escolar no CCSH nesta quarta, 29 de maio

ANDES apresenta contraproposta, mas PROIFES fecha acordo

SVG: calendario 28/05/2024
SVG: tag Greve 2024
Feijóo assina acordo com federação sem representatividade sindical e marca novo encontro com Andes para semana que vem

Sedufsm recebe pedidos de ajuda de docentes

SVG: calendario 27/05/2024
SVG: tag Greve 2024
Recursos de apoio vêm do Fundo de Emergência, aprovado pelo Comando Local de Greve

Veja todas as notícias