As catástrofes e a implosão da mentira SVG: calendario Publicada em 10/07/2024 SVG: views 183 Visualizações

No poema 'A Implosão da Mentira', o Poeta Affonso Romano de Sant'anna, nos primeiros versos escreve: "Mentiram-me. Mentiram-me ontem e hoje mentem novamente. Mentem de corpo e alma, completamente. E mentem de maneira tão pungente que acho que mentem sinceramente"...Isso foi escrito para descrever os agentes públicos(políticos) no nefasto período da ditadura militar.

Faremos um deslocamento temporal e de contexto e chegamos na grande tragédia que estamos vivendo no Rio Grande do Sul e podemos afirmar que eles estão reproduzindo, descaradamente, a prática da mentira. Só em mortes, até agora, temos quase duas centenas e milhares que perderam tudo. Infelizmente, inclusive a dignidade.

No poema de Affonso Romano de Sant'ana lemos ainda: "Mentem sobretudo, impune/mente. Não mentem tristes. Alegremente, mentem...". A bazófia desses gestores explica as suas prepotências e as estúpidas relações que possuem com o poder. Eles pensam que vão nos mentir eternamente, mas nós somos capazes de captar suas sofistas práticas e suas relações nuas, cruas e frias com a demagogia.

Temos lido, ouvido e visto, os especialistas em hidrologia e pesquisas hídricas afirmarem que foi irresponsabilidade não tirarem tempo, darem atenção à manutenção dos aparatos físicos para contenção de inundações e enchentes. Um governante, de forma cínica, afirmou que isso o possibilitou vislumbrar a outras questões socioambientais. Traumas, perdas e danos para os nossos conterrâneos não importam.

O Brasil inteiro, de forma generosa e solidária decidiu ajudar os irmãos que vivem no sofrimento. Que falta de elegância do representante do MTG? Como um grande arauto do Movimento Tradicionalista Gaúcho é capaz de dizer: compre as coisas daqui? O que é uma morte e a perda da dignidade humana para os que pensam que vão nos mentir História afora. Sejamos francos, pela realidade, ninguém mais pode viver tranquilo nas suas casas, quem as tem, e que terão tempo e dinheiro para a reconstituição de suas vidas.

Para essa implosão de mentira, o normal é não ter mais dignidade e vida. Se o tempo se prepara para a chuva, soa o alarme de alerta de novas possibilidades de inundações. Será que estes especialistas em demagogia dormem tranquilos ao saber que nossos irmãos podem perder tudo, novamente? Será que essas façanhas é que deverão servir de modelo a toda a Terra?

O meu poeta guia termina dizendo: "...E a mentira repulsiva se não explode para fora, pra dentro explode implosiva". Será essa catástrofe que irá implodir essas suas vidas de mentira?

Sobre o(a) autor(a)

SVG: autor Por Luiz Carlos Nascimento da Rosa
Professor aposentado do departamento de Metodologia do Ensino do CE

Veja também